segunda-feira, julho 11, 2005

A origem do Cubo Mágico

"O Cubo Mágico, pequeno objecto formado por nove quadrados coloridos em cada face, foi criado pelo húngaro Ernö Rubik, na metade da década de 70. Porém, foi apenas em 1980 que o brinquedo, chamado originalmente de Cubo de Rubik, se tornou famoso no resto do mundo, quando foi importado pelos Estados Unidos. O desafio proposto pelo jogo é colocar todos os quadrados de cor igual no mesma face do cubo girando suas peças. O objectivo, que é ainda mais complicado do que parece, pode gerar muita frustração nos menos habilidosos. Percebendo isso, uma empresa chegou a comercializar, nos anos 80, um pacote com adesivos coloridos imitando as peças do brinquedo. Assim, qualquer um poderia colá-los convenientemente no objecto e fingir que tinha vencido."

Pois é quem não se lembra das horas passadas em volta do famoso Cubo Mágico? Eram voltas e voltas e reviravoltas... chegava a enervar!!! A primeira conquista era logo conseguir uma linha, uma linha toda da mesma cor (parecia a linha do Bingo que já tem direito a prémio...lol), mas quando conseguiamos uma face INTEIRA, sim toda uma face do cubo na mesma cor!!! Aiii isso é que era uma delicia...o sabor de batalha ganha e parte da missão cumprida... E jogar com o cubo por etapas?, parar por momentos pousar o cubo num qualquer móvel da nossa casa e rezar para que ninguem pega-se nele na nossa ausencia. pois corriamos o risco daquela simples volta, que nos ia arruinar por completo todo o esforço de horas!!!!

Havia os mais descrentes que tentavam meia duzia de vezes e perdiam o interesse, unica e simplesmente o usavam para adorno e para dizer que tinham... mas os outros os verdadeiros viciados, esses sim levavam o cubo para todo lado, as peliculas de vinil autocolante até começavam a descascar!!! (Confesso fiz parte desse grupo...)

Lembram-se? do tal Cubo que fez parte do nosso dia-a-dia, em tempos... outros tempos...

Foi um momento de saudosismo, também faz parte...

entretanto...até à próxima!


entrelinhas:
...certo!... quem não rolou o tal dito cujo cubo?... tenho uma memoribílica imagem... uma tranquila tarde, um bolero latino como fundo musical, uma alcatifa generosamente cabeluda de cor laranja, o cubo e um alicate!... (suspiro!) que bons tempos... depois duma atribulada meia hora de "gira e torna a girar o coiso" la consegui monocromatizar duas caras do irritante e (agora) todo suado cubo... comecei a fazer a terceira face e pasado uns 30 segundos já tinham desaparecido as anteriores... decidi inverter os passos... foi pior!... pousei o cubo ao lado do alicate... (como tentando amolecer seu efeito de "bicho impossível")... pensei uns minutos... decidi prolongar a espera e fui à cozinha a buscar um copo de água e mudar o disco de bolero que ja me tinha farto no seu "loop"... lá consegui o vinil "hell bells"... troquei de fundo musical e voltei para o cenario da alcatifa laranja...
Na ultima badalada, justo ao principio da musica, peguei no alicate e em movimentos de dentista (amateur) la consegui desarmar o cubo... as entranhas do rubick (rubic, ruben, rubi, rubichs) espalhadas na alcatifa... um espectaculo policromado que a minha cadelita "vicky" não resistiu... e ao ritmo do frenesim arrastrouse por cima das partes do "rubich"... la conseguiu trincar uma que outra... afasteia do cenario... e la pacientemente comecei a armar de novo o "ruben" tipo puzzle... primeiro as esquinas... isso!... quando terminei... pousei o "robi" encima duma coluna da aparelhagem... ali esteve ate mudar-nos para outra casa. Já na casa nova procurei, em vão, o "rubi"... tinha desaparecido.
 
Enviar um comentário



<< Home

This page is powered by Blogger. Isn't yours?